A
A

Na geração dos avós dos jovens de hoje, tirar um curso era só para alguns; um curso superior era uma garantia de trabalho; o trabalho era (o mesmo) para toda a vida; 

Os tempos mudaram, fazendo com que muitas destas coisas sejam hoje vividas de outra forma. É verdade que tirar um curso superior se democratizou e que os jovens têm mais liberdade para escolher aquilo em que querem trabalhar, mas… será isso sinómino de estabilidade ou segurança, e que podem sonhar com o trabalho ideal? Ou será que, como tanta gente apregoa, fazem parte de «uma geração de descontentes, mimados, que não sabem o que querem»? 

O investigador Vítor Sérgio Ferreira vai contar todos os desafios que se colocam aos jovens de hoje ao entrar no mercado de trabalho: a volatilidade, os estágios eternos, a necessidade de atualização permanente, a precariedade cujo termo foi «suavizado» com a palavra «flexibilidade» , assim como tantos outros. Ser jovem é um desafio, mas ainda há espaço para se poder sonhar. 

Como avalia este conteúdo?
A sua opinião é importante.
0
4 votes
168
Episódios
1
Imagem ilustrativa da quarta temporada do [IN] Pertinente Política
A ética da guerra

Com conflitos a pulular nas diferentes regiões do mundo, a pergunta impõe-se: há ética na guerra? “É bom que haja”, diz-nos João Pereira Coutinho. Mas como? Neste episódio...

40 min
Saber mais

Com conflitos a pulular nas diferentes regiões do mundo, a pergunta impõe-se: há ética na guerra? “É bom que haja”, diz-nos João Pereira Coutinho. Mas como? Neste episódio...

40 min
Saber mais
2
Imagem da nova dupla de Sociedade, composta por Hugo van der Ding e a psicóloga Ana Moniz
A ditadura da felicidade

«Pensa positivo e vais atrair coisas positivas»; «É tudo uma questão de força de vontade»; «Não há limites!». Quantas vezes já lemos ou ouvimos estas frases? Na estreia de Ana...

53 min
Saber mais

«Pensa positivo e vais atrair coisas positivas»; «É tudo uma questão de força de vontade»; «Não há limites!». Quantas vezes já lemos ou ouvimos estas frases? Na estreia de Ana...

53 min
Saber mais
3
Imagem ilustrativa da nova dupla do [IN] Pertinente Economia, composta por Mariana Alvim e José Alberto Ferreira
Dicionário de inovação

«Startups», unicórnios, «venture capital», «business angels». Qual o significado de cada um destes termos? A radialista Mariana Alvim estreia-se no [IN]Pertinente Economia com uma...

46 min
Saber mais

«Startups», unicórnios, «venture capital», «business angels». Qual o significado de cada um destes termos? A radialista Mariana Alvim estreia-se no [IN]Pertinente Economia com uma...

46 min
Saber mais
4
Imagem da nova dupla de Ciência: Rui Maria Pêgo e Luísa Lopes
Há um psicopata no cérebro?

Sedutores, inteligentes, manipuladores e mentirosos patológicos. São incapazes de sentir empatia, remorsos ou de ter vínculos afetivos. Não controlam os seus impulsos e têm um...

39 min
Saber mais

Sedutores, inteligentes, manipuladores e mentirosos patológicos. São incapazes de sentir empatia, remorsos ou de ter vínculos afetivos. Não controlam os seus impulsos e têm um...

39 min
Saber mais
In Pertinente Podcast, da Fundação Francisco Manuel dos Santos
Série
Entrevista
164EPISÓDIOS
2021

4 comunicadores, 4 especialistas, 4 temas - Economia, Sociedade, Política e Ciência -, todas as semanas no [IN]Pertinente. 
[IN]Pertinente: um confronto bem disposto entre a curiosidade e o saber. Porque quando há factos, há argumentos.
[IN]Pertinente é um podcast da Fundação Francisco Manuel dos Santos que pretende dar respostas às perguntas de todos, contribuindo para uma sociedade mais informada.

Ler menos
Portuguese, Portugal